post da Martinha Fonseca

Carteira de utilidade pública

23 maio 12

Madames!

Queria começar o post de hoje pedindo desculpinhas pelo o assunto “viagem” estar aparecendo recorrentemente nesses últimos dias aqui no Armário de Madame. Mas todo mundo que gosta de viajar (seja viagem rápida ou longa, para perto ou para longe) sabe que essa é uma das melhores sensações na vida e que é quase impossível não passar o dias na véspera e no pós-viagem pensando a respeito.

Mas ó, hoje o papo não é viagem para frio, para lugar de praia ou qualquer coisa do tipo. Hoje o post é apenas uma descoberta bem bacana, despretensiosa mas super útil que fiz há umas semanas e que sinto que p-r-e-c-i-s-o compartilhar com vocês.

Há algumas semanas atrás estava passeando no Iguatemi buscando nas lojas achados interessantes para posts no Blog do Iguatemi, e, ao entrar na Emporio Naka, dei de cara com essa carteira vermelha na estante – e, provavelmente, ao olhar para ela assim, fechadinha, tive a mesma impressão que vocês devem estar tendo agora sobre ela: apenas mais uma clutch minimalista. Mas, ó, não é nada disso não:

A clutch é, na verdade, uma carteira de viagem disfarçada e bem elegante. Dentro, compartimentos bem organizados para guardar os cartões de embarque, documentos, tickets, dinheiro e até passaporte. É ou não é uma mão na roda?? Em viagens, manter tudo bem guardado e organizado é meio caminho andado para evitar um dos problemas mais chatos e que mais estragam o clima relax de uma viagem: perder documentos.

Como comprei essa carteira há umas semanas, eu não sei direito o preço mais – mas foi algo em torno de 200 reais. Ela é linda e, até mais importante que isso, super prática e eu acabei me decidindo por levar. Quem conhecer outras opções bacanas que unam praticidade e beleza, é só falar aí nos comentários, combinado?

Categoria: Sem categoria
post da Martinha Fonseca

Branquinho básico

24 jan 12

Domingo passado estava quase entrando em desespero na frente do armário. Um calor absurdo e eu não conseguia nem olhar metade das roupas no meu armário! Daí que poucas coisas são mais salvadoras nessa vida de verão do que um bom short jeans.

E já que é assim, catei o meu da My Place para dar início ao look do dia.

Precisava de algo light, fresquinho, simples, mas, nem por isso, algo que fosse sem graça. Daí, juntei ao short jeans uma tshirt branquinha com aspecto flanelado da Renner, o meu amado (e tão usado) blazer da C&a e, por fim, para fechar com chave de ouro, a sandalinha de pedras da Santa Lolla.

Gosto de looks assim, lisos, simples, minimalistas com pequenos detalhes fazendo a diferença. :)

Aliás, por falar em detalhes, não poderia perder a chance de incluir no look meu outro lencinho da Emporio Naka que, amarrado na bolsa, também ajuda à elevador o nivel de “interessância” do look. Gostaram?

Por fim, um close nos detalhes!

Tshirt – Renner
Blazer – C&a
Short – My Place
Rasteirinhas – Santa Lolla
Bolsa – LV
Lenço – Emporio Naka
Anel – Emporio Bijux
Pulseira – Ciça e Renata
Relógio – Michael Kors 

E aí, gostam do post assim? Recheado de fotos??

Categoria: Sem categoria
post da Martinha Fonseca

Look do dia!!

18 jan 12

a-há! hoje é dia de look do dia, bebê!

Semana passada consegui me organizar direitinho para fotografar alguns looks que usei e assim estou conseguindo mostrar pra vocês aqui. Bom, né? Acho que gosto tanto quanto vocês de compartilhar looks do dia!

Blusa – Le Lis Blanc
Calça – Zara
Cinto – Toli
Bolsa – LAX Store
Sapatilhas – Emporio Naka 

Esse look eu usei no último domingo para um almoço bem tranquilinho. Queria usar uma roupa leve, descontraída, que combinasse com a ocasião e por isso mesmo, construí o visual em cima de cores e estampas. Essa blusa de borboletinhas eu comprei na Le Lis Blanc, bem recentemente na liquidação de verão da loja e é meu novo amor – era confortável e linda demais (ainda mais com 50% de desconto) que eu não poderia deixa-la na arara. TINHA que vir pra minha casa…hehehehe

E aí vocês já sabem: comprou, usou.

Para compor o look com a blusa, quis usar essa calça rosa da Zara, justamente para não ficar uma junção tão óbvia  – até porque, como a blusa é meio transparente, os tons de cores das borboletinhas (azul, roxo e verde) eram beeem discretos e juntá-los com outras cores um pouco diferentes no tom me pareceu bem bacana. Agi, aliás, da mesma forma com o cinto: mudei o tom azul escuro da borboleta e optei pelo cinto azul turquesa da Toli.

Para coroar tudo, acessórios dourados.

E aí, boa mistura?

 

 

Categoria: Sem categoria