post da Martinha Fonseca

Um pouquinho de verão

2018 está sendo lindo

24 jan 18

Acho que tinha tempo que eu não curtia um verão assim. Praia, piscina, sol, programações ao ar livre. Até confesso que sempre achei o inverno uma ótima temporada – até pelo meu amor pela moda, sabe? as coleções de inverno são tão charmosas…mas, para além do quesito fashion, redescobrir as maravilhas de dias de verão tem sido algo delicioso.

verao-4

Tá, a gente não é mais criança, e não é que eu tenha passado dias e dias seguidos de biquíni para cima e para baixo (não faria mal, néam? mas ok, mundo, aceito que já sou adulta; até porque se com quase 30 ainda não tivesse aceitado…meu amor…hahah mas voltemos ao foco). Ainda assim, posso falar? Eu descobri como aproveitar esse verão de um jeito que há muito eu não fazia.

Acho que tem a ver com os caminhos que trilhei nos meses anteriores. O inverno da minha alma foi intenso, triste, rigoroso, difícil. O outono veio para testar minha resiliência, dizer que as coisas tinham melhorado mas nem tanto assim – e me fez aprender que desanimar não iria adiantar. Fiz novas escolhas, analisei comportamentos, hábitos, repensei, refiz, decidi novas coisas. Não foi fácil, mas aí veio a primavera, e o recomeço, a esperança que floresce, um novo frescor que vem junto com novas decisões postas em prática. E então veio o verão, o sol, os dias lindos que pareciam começar não no sol lá fora apenas, mas no universo que eu construí e aprendi a preservar dentro de mim.

verao-3

E aí, não como um passe de mágica mas como uma consequência lógica e vitoriosa, eu voltei a sorrir mais, a amar mais, a sentir mais. A festa com os amigos foi deles e nada mais – e eles perceberam que eu estava de volta, por perto, sorrindo. Assim como a escapadinha para piscina no meio da rotina virou um momento meu, e só meu. Ou a corrida aos domingos com o boy e um mergulho no mar em seguida – que, com o perdão do clichê, lavou a alma. A nossa alma.

Foi entrando dia, e saindo dia nesse janeiro de verão, e as coisas só tem ficado mais gostosas: cabelo molhado, biquini quando dá, e quando não dá a gente admira o dia lindo pela janela do carro mesmo. E registra quando pode e quando quer, e guarda para a vida offline outros momentos igualmente lindos e marcantes.

O verão 2018 tem sido lindo, como há muito um verão não era por aqui. Obrigada, universo.

verao-1 verao-2 verao-5 verao-6
verao-7 verao-8 verao-9

maiô – cambon21 | short – forever xxi | óculos – rayban | cordinha – socorro nascimento

fotos: @mariannacalmon (sim, a maga das fotos maravilhosas)

 

Categoria: Comportamento