post da Martinha Fonseca

Diário de Madame

o que é felicidade pra você?

21 mar 16

Olha só que coincidência: acordei com vontade de falar sobre a felicidade hoje, e justo hoje descubro que não há muito (ontem mesmo) comemorava-se o Dia Internacional da Felicidade. Você, de fato, já parou para pensar no que te faz feliz? Tipo, feliz de verdade?

Na minha educação evangélica, sempre aprendi que a felicidade pode ser algo perene. Que existem dias tristes, existem dias de alegria, mas quem é verdadeiramente feliz, permanece feliz. É uma espécia de paz interior, um tipo de felicidade com um conceito diferente da euforia intensa que o mundo moderno prega por aí.

Vocês sabem, eu me afastei bastante da igreja nos últimos anos por motivos pessoais que não cabe explicar agora. Alguns ensinamentos, no entanto, seguem comigo, fazendo sentido, sabe? Porque o tipo de felicidade que eu vejo as pessoas buscando hoje em dia parece estranho… Parece uma felicidade com alergia a momentos difíceis, uma felicidade eufórica e com ares de sentimento raso. Como se ter dificuldades na vida fosse sinônimo de fraqueza, de falência pessoal. Não, jamais. Na internet e na vida todo mundo quer ser feliz o tempo todo. Eufórico. Intenso. Real.

Como se permitir o luto de uma perda (emocional, que seja) fosse perda de tempo e não um processo necessário para o crescimento pessoal. Como se ter dias ruins fosse atestado de incompetência. Como se passar por uma fase na qual as coisas não vão bem fosse “privilégio” daqueles que não sabem viver a vida da forma correta. Dos falidos, dos burros que fazem escolhas erradas, dos outros, nunca da própria pessoa.

Não poderia discordar mais.

Quando você cresce, sai da asa de pai e mãe, quando vai atrás dos seus próprios caminhos, as dificuldades aparecem. A vida real começa. Você aprende que de fato precisa assumir as consequências das suas escolhas e que não dá sempre para jogar tudo pra frente, ou para os outros. Você aprende na prática que, como diria minha mami poderosa, “quem muito abraça, pouco aperta”. E aí, é melhor abraçar menos e apertar mais do que o contrário.

E é aí que mora a felicidade. Aquela, a verdadeira. Mora na certeza de que você que escolheu seu próprio caminho, de que construiu os seus sonhos e se esforçou para torná-los realidade. A verdadeira felicidade mora na cabeça que repousa no travesseiro à noite de forma leve, porque você deu o seu melhor sem passar por cima de ninguém nem de nada, além dos seus próprios medos e bloqueios. Felicidade é saber que as coisas sempre melhoram, que a vida é um ciclo e às vezes a gente está mesmo lá embaixo. Felicidade é se cercar de amigos verdadeiros, é aproveitar os momentos bons, valorizá-los sem torná-los maiores do que são – o tamanho natural deles sera sempre o suficiente.

Felicidade pra mim é isso.

:)

—–

Hello, madames!

Poucas fotos de uma semana um pouco mais sossegada, mas que, vai entender, arrancou minha energias! às vezes acontece isso, é? Uma semana mais corrida te suga menos do que uma semana que passa arrastada. Vai entender…

diario-1

  1. Gravar o #CozinhadeMadame: look Dress To para Lollita Lollita, rasteira Schutz
  2. Jantar de sexta-feira: blusa Morena Rosa, Saia Zara, jaqueta H&M, Sapatilha Capodarte, Bolsa It Bags
  3. Resolver coisas na rua: Vestido Zara, Colete e tênis Dafiti, Bolsa Prada, Óculos Fendi
  4.  Jantazinho de domingo: macacão dress to para Lollita Lollita, espadrilha e bolsa Schutz.

diario-2

No mais, no diário de hoje, só comidas! hahaha que coincidência maravilhosa!

Aí em cima, foto de um dos ovinhos que experimentei para gravar o vídeo “experimentando ovos de páscoa” que entra amanhã aqui no blog! uhu!!! fiquei enjoada de tanto doce, mas adorei! tô doida para compartilhar com vocês!!!!

diario-3

Essa semana teve também açaí, um dos meus lanchinhos favoritos. Troco o xarope por mel, e fica tudo mais saudável! :)

diario-4

Teve também bolo de banana fit no #CozinhadeMadame. quem viu? quem já experimentou em casa?? marca com a hashtag, hein???

diario-5

E pra não dizer que só falei de comida, foto com voinho com 94 anos e sua blusa do Bahia. Sempre, né? :)

 

Categoria: Diário de Madame