post da Martinha Fonseca

Novidades de Socorro Nascimento

@_welovejoias & @armariodemadame

25 maio 15

Ai como estou feliz de colocar essa post no ar!! Não estava mais me aguentando de tanta ansiedade – tanto que soltei algumas fotos no instagram durante a semana que passou! hihih #madameansiosa

Mas é que eu me divirto produzindo as fotos, ficou louca de amores a cada peça de Socorro que eu vejo, e fico ainda mais feliz quando vejo o resultado final nas fotos. Animada para saber o que vocês vão achar! Socorro Nascimento – no instagram, @_welovejoias – já é conhecida aqui em Salvador: salva a mulherada sempre que a gente precisa de peças poderosas para ocasiões especiais, e também de peças diferentes e sofisticadas para usar no dia a dia. Ela tem de tudo: do brinco baphão que faz par com anéis ma-ra-vi-lho-sos aos brincos menores à pulseiras delicadas para usar em um mix feminino e super autêntico.

Quem quiser conferir de perto, ela estará no Pop Up Shop esse fim de semana (de 29 a 31), no Barra Hall. Para madames que não puderem ir ou que não são de Salvador, vale à pena acessar o instagram @_welovejoias ou fazer contato (e comprinhas hihi) pelo whatsapp: 71 8312 9396.

Por enquanto, vamos às fotos que produzi com muito, muito, muito carinho! Fico vendo esse post em looping, não sei que foto e que brinco/anel/pulseira eu amo mais. <3 Vocês conseguem decidir isso?

socorro-nascimento-1 socorro-nascimento-2 socorro-nascimento-3 socorro-nascimento-4 socorro-nascimento-5 socorro-nascimento-6 socorro-nascimento-7 socorro-nascimento-8 socorro-nascimento-9 socorro-nascimento-10 socorro-nascimento-11 socorro-nascimento-12 socorro-nascimento-13 socorro-nascimento-14 socorro-nascimento-15

Socorro Nascimento (@_welovejoias) para Armário de Madame (@armariodemadame)

Fotos: Marianna Calmon (@mariannacalmon)

Categoria: Moda
post da Martinha Fonseca

A tal da zona de conforto

e os pequenos passos que podemos dar para fora dela

25 maio 15

Alguns exercícios do crossfit podem ser matadores. Não é preciso fazer muitas aulas, por exemplo, para dar de cara com os “burpees”, um dos exercícios que mais dá arrepios aos crossfiters.

* abaixo, um video que achei na internet só pra exemplificar para quem não conhece o que é burpee.

Mas você veja que, até para os burpee, há remédio: prática, cabeça forte para não desistir no meio do caminho e força de vontade para sair da zona de conforto. Pelo menos foi isso que um coach me disse uma vez: “no crossfit, se você ficar sempre esperando a respiração voltar, os batimentos diminuírem e retomar o fôlego totalmente para continuar o exercício, você nunca vai melhorar. É preciso sair da zona de conforto, forçar sempre um pouco. Senão você não acaba nunca, senão você não evolui“.

Pura verdade, sabe? Comecei fazendo 5 burpee e morrendo. Mas semana passada mesmo, depois de tanto treinar e de 7 meses de crossfit, fiz rounds de 15 burpees sem quebrar, sem parar. Não é que evoluí? Não é que era verdade o conselho do coach?

Aí vocês vejam, madames, que assim como no crossfit, na vida também a lógica é a mesma: se a gente não forçar um pouquinho, se não sair da zona de conforto nem que seja com um pézinho só para fora, a coisa não muda, não melhora. E aí, para os mesmos estímulos, os mesmos resultados, né? Fica fácil concluir isso.

É uma ligação por impulso que a gente sempre faz e que agora tenta não fazer; um comentário maldoso que a gente tinha por costume fazer e agora se força a pensar 2 vezes antes de falar; é uma rotina mais saudável que custumava ser frustrante mas que agora não será mais porque você simplesmente decidiu que vai conseguir fazer. Todo mundo tem algum desafio para vencer a cada dia. Todo dia.

Escolha sua batalha – uma de cada vez, se for preciso. Evolua lentamente, mas evolua. Eram 5 burpees, agora já faço 15. Mas comecei fazer a 6 no início, para sair da zona de conforto; e depois  7 achando que não chegaria ao final. Mas cheguei. Às vezes, depois de todo mundo. Mas cheguei. Porque aqui não importa o quão difícil foi, nem quanto sacrifício e energia eu dediquei a isso. O importante é que eu consegui.

Então se você já reparou que tem coisas na sua vida e no seu comportamento que você precisa mudar, mude. Saia da zona de conforto, pare de apenas identificar o problema e faça alguma coisa a respeito. Porque ficar só dizendo algo como “eu sei que eu sou assim” não vai resolver. Enfrente o medo (lembra o que falei no Diário de Madame da semana passada?), assuma um novo objetivo, saia da zona de conforto, estabeleça metas e cumpra. Nem que seja dolorido, nem que seja sofrido, nem que seja no esforçø. Mas cumpra.

Seja racional. Faça algumas tentativas, mesmo que o coração diga o contrário. Saia da zona de conforto. Um pouco de esforço, um pouco no limite, mas vá. Como disse o Coach, se você não se pressionar um pouquinho, se você não expandir seu limite toda vez em mais um cadinho, o resultado não vem. Para os mesmo estímulos, os mesmos resultados. E você já cansou dos mesmos resultado, não?

 

—-

Bem, essa semana tem vlog contando todos os detalhes, timtim por timtim para vocês da minha semana. Então, por aqui, apenas os looks, com todos os detalhes das peças e da ocasião que usei cada um deles ok?

diario-2

Look 1 (evento Natura, terça-feira): Blusa Sarttore, Calça Mesckla, Sandália Santa Lolla, Bolsa Ellus (Dafiti), Cardigan Maria Filó para C&A.
Look 2 (evento Schutz, quinta-feira): Blusa Sly, Saia Boah, Bomber Lalá para Riachuelo, Oxford Maria Filó para C&A, Bolsa Louis Vuitton, Colar Melinda Melinda
Look 3 (jantar com amiga, sexta-feira): Blusa e Saia Sly, Cinto Le Lis Blanc, Blazer My Place, Oxford Maria Filó para C&a, Bolsa Arzen.
Look 4 (buscar no namorado no aeroporto, sábado): Blusa Zara, Saia Boah, Sandália Schutz, Bolsa Louis Vuitton, Colar LR Bijoux.

Ah, para quem ficou off no fim de semana, não deixa de conferir aí embaixo os posts de sábado e domingo, tá? O Armário de Madame não pára!!

Categoria: Diário de Madame