post da Martinha Fonseca

Diário de Madame: Como vão os resultados da dieta?

Como anda o #saúdedemadame? E os resultados da dieta?

13 abr 15

Uhu, começamos a semana sem chuva caótica na cidade! Depois de dias complicados, estou de volta!! Foi tanta chuva, que a rotina por aqui ficou toda alterada. Fiquem sem luz, sem internet e sem me movimentar pela cidade devido a alagamentos e deslizamentos (um na minha rua, inclusive!)  e por isso não teve vídeo na sexta, e os posts não entraram no fim de semana (a internet ainda não está funcionando! tô apelando pra o 3g como roteador, kkkkk! quem nunca!) e também porque até no instagram eu postei pouco até ontem pela manhã, porque meu celular pifou na sexta-feira e só ontem a tarde eu resolvi o problema.

Mas bem, dito isso, vamos ao que interessa? Vamos ao Diário de Madame da semana?

—–

Quero abrir meu coraçãozinho com vocês hoje. Há um tempo que venho ensaiando escrever o diário de madame sobre como anda o #saúdedemadame, quais foram ou são os resultados da dieta, como anda a relação com meu corpo e por aí vai. Aí, depois de uns dias pensando no texto (eu sempre esgoto o assunto em pensamento antes de começar a escrever!), cá estou eu.

Comecei a me incomodar com meu corpo em setembro de 2013. Eu até estava fazendo exercícios, mas fiz uma dieta tão errada (tomei proteína muito calórica e ainda comida todo tipo de comida ruim: chocolate, mc donalds, pão em quantidade, etc; para completar malhava mas não fazia aeróbico…aí já viu né?), que inchei e engordei muito rapidamente. Coisa de um mês.

Mas aí você sabe, né, a gente reclama, reclama, reclama, mas não pára de comer.

armario-de-madame-resultados-da-dieta-1

Carnaval 2014

Foi só em fevereiro de 2014, logo após  o carnaval, que tomei vergonha na cara e fui na nutricionista. Achei meu rosto muito redondo nas fotos e isso me incomodou muito. Fiquei triste de verdade! Na mesma época comecei a receber vários comentários grosseiros falando como eu estava gorda e como minhas roupas podiam ser sugestão para grávidas…e nossa, fiquei mal. confesso.

Aí pronto. Tomei vergonha na cara, sacudi a poeira e fui na nutri. Na verdade, fui na endócrino, Dra. Sandra Gordilho, o que achei super importante, porque com exames de sangue mais detalhados, a gente pôde ver como meu organismo por dentro estava uma bagunça, prejudicado pelo excesso de comida industrializada, alimentação errada (praticamente toda baseada em carboidratos) e até prejudicada pela falta de sol.

Comecei a seguir a dieta direitinho, voltei para a academia (malhava sozinha, mas com auxílio de meu personal, através do serviço de assessoria; eu me consultava com ele, ele avaliava meu corpo, passava o treino, e 1 mês depois eu voltava para fazer novas avaliações e novos treinos). Foi nessa época, entre março e junho do ano passado, que comecei a dar uma desinchada e vocês até comentaram dos resultados. Eu pesava 68kg, mas o preocupante mesmo eram os 35% de gordura no corpo. Mulheres, pelo que li, devem ter ate uns 25%, no máximo, para se encaixar num padrão saudável. Olha só como estava bem acima!

Só que aí veio copa, comidinhas, bebidinhas, e eu escapei da dieta – “sem neuras, já já você volta ao normal, marta“. Só que aí veio minha viagem de férias a Miami – e fazer dieta em viagem é a coisa mais difícil que eu já enfrentei até hoje! – e logo depois meu aniversário. Aí já viu!! Não voltei pra alimentação correta coisa nenhuma.

Fiquei mais 2 meses numa enrolação sem fim, frustrada porque via meu corpo mudando novamente, mas sem encontrar motivação para fazer algo a respeito. Resultado: chegou outubro e eu até entrei no crossfit (lembram?), e embora eu fizesse tudo certinho até as 16h, todo dia, entre as 17h e 20h, eu tinha ataques de ansiedade e compensava na comida. No início, eu até consegui não engodar mais, mas depois a carinha redonda e o quadril largo voltaram a dar “olá”. :(

Aí veio o Natal, o reveillon, e a comilança do verão e lá estava eu engordando de novo. Foi um período bem difícil. É muito frustrante você perceber que não teve auto-controle, que comeu demais, que comeu mal, e que todo o esforço de antes acabou indo pelo ralo. Foi quando resolvi voltar à endócrino (sim, minha última consulta tinha sido aquela primeira!! não voltei pro retorno!!), voltei para a dieta, e com a ajuda de algumas amigas e do boy, fui regrando minha alimentação.

armario-de-madame-resultados-da-dieta-2

Reveillon 2013-2014 // Junho 2014 // Dezembro 2014

Tenho sorte que, no geral, eu ando com amigos que se preocupam com a alimentação, então todo mundo sempre está preocupado em escolher restaurantes com boas opções no cardápio, sabe? Isso ajuda muito!

Juntei a isso os treinos mais intensos no crossfit: troquei a frequência de 3 vezes por semana para 6 (de segunda a sábado), e comecei a me esforçar lá, sabe? Queria melhorar meu desempenho, queria correr mais rápido, pegar um pouco mais de peso (com consciência), me sentir evoluindo. Foi no comecinho dessa época que eu gravei esse vídeo aqui ó:

Aí, aos pouquinhos, quando já tinha uns 4 meses de crossfit, comecei a perceber que todo o esforço começou a fazer efeito: eu sequei! Minha perna estava ficando fina novamente (uhu!), minha cintura também, assim como meu rosto. Vocês começaram a reparar também, fiquei tão feliz!! <3

Vi, novamente, que quando a gente quer, a gente consegue, sabe? A gente às vezes não quer enxergar ou se esquece que não tem lá muito mistério: ache uma atividade física que te dê prazer, e coma direito. Teste novos alimentos, faça um esforço, e siga em frente. É simples assim. Às vezes, a gente é que quer complicar com dietas mirabolantes ou sem fazer esforço algum.

No meu caso, além de colocar a cabeça no lugar no quesito “eu quero, eu consigo”, troquei receitas com amigas – e  validei essas trocas com minha endócrino – para não ficar nas mesmice, voltei a fazer escolhas inteligentes na rua, parei de tomar refrigerante, e tcharam!!! Cheguei aos 65kg, o que nem é uma redução de peso tão grande, mas com 10% de gordura a menos: estou com 25%!

Dá para imaginar o tanto que isso me faz bem??

Muito!! E é justamente dessa sensação que estou tentando me lembrar: porque desde a semana santa que eu não consigo ser disciplinada com a alimentação. O crossfit, graças a deus, vai as mil maravilhas (e acho que é ele que tem segurado as pontas, sabe?). Mas preciso voltar a comer bem – e não só nas primeiras horas do dia; mas principalmente, a partir das 17h, quando viro um mostrinho! Pior que depois que eu como alguma besteira eu me sinto tão mal…tão fracassada por não ter auto controle! Tenho que lembrar desse sentido para me controlar e ver que não vale à pena.

Bem, a verdade é essa, eu já cheguei na metade do caminho, e agora quero chegar aos 18% para ficar bem de verdade comigo e também para eventualmente poder escapar da dieta sem isso me fazer tão mal. Tomara que com esse post eu consiga achar minha motivação novamente! Vou gravar essa semana toda um vlog de dieta: quem sabe com essa sensação de BBB eu consiga pegar o ritmo novamente!!

E ó, quero ver vocês correndo atrás dos seus objetivos também hein?? Nada de deixar para depois. Não estou aqui fazendo apologia à magreza; o importante é você se olhar no espelho e se apaixonar todo dia pelo que vê. E, claro, estar saudável.

Então, vamos nessa, madames!! #foco #fé #força e, claro, #deusnocomando! huhuhuh

armario-de-madame-resultados-da-dieta-3

Setembro 2014 // Março 2015

 

 

 

 

 

Categoria: Saúde
Comente pelo facebook
19 comentários
  1. Sandra Alcântara

    Olá madame!
    No meu caso eu estacionei no meu peso atual e isso me deixa muito acomodada. Sempre que me peso eu penso “não emagreci, mas também não engordei” e aí vou empurrando com a barriga. Tô precisando achar uma atividade física que me agrade (odeio academia e aquele clima de narcisismo). Essa taxa de gordura me incomoda muito mais do que o peso, eu sei que uma é reflexo da outra. A questão é que as pessoas não entendem que a taxa de gordura elevada não é saudável e fica olhando torno como se a gente fosse um ET e fica falando “nossa, mas você não precisa de dieta”… Nunca vi se meter tanto assim na vida dos outros!
    Outra coisa que acontece muito com vocês, blogueiras de moda, é a cobrança por um corpo perfeito e dentro dos padrões de beleza. Fico chateada e envergonhada quando vejo comentários grosseiros e indelicados… não vejo isso no AM, somos mesmo madames ;).
    Por fim, porque isso aqui tá ficando gigante, obrigada por compartilhar conosco essas questões de maneira tão aberta!
    Beijocas!

    Responder
    • sim, as pessoas adoram dar opinião sobre o que não entendem. aí acham que só porque uma pessoa é marinha ela não pode reclamar ou dizer que está insatisfeita com o corpo de alguma forma. tenho um tanto de tédio nisso.
      sim, existe uma cobrança por um corpo ideal mesmo para tdo mundo, mas principalmente para quem trabalha com a imagem de alguma forma mais direta. é bem chato isso, e tento não ficar neurótica. embora eu saiba que eu tenho que atender a um certo padrão já que quero trabalhar com moda e vestir roupas de loja com mais facilidade. mas sem neura! porque neura engorda…hahahah!
      beijos!!

      Responder
  2. Bia Gomes

    Nossa, sério que comentaram que você poderia ser inspiração para grávida? Esse povo não tem noção mesmo do que escreve! Educação mandou lembranças.
    Enfim, acho que vou me inspirar em você pra tentar ser saudável haha
    Nunca fui magra, sempre fui meio gordinha e isso nunca me incomodou muito, mas nos últimos tempos estou engordando demais e tô sentindo que isso já está me fazendo mal sabe? :(
    Já me matriculei na academia umas 3 vezes, mas nunca consegui passar de um mês (acho que é porque peguei implicância com a academia e as pessoas de lá, pode isso? kkkk). Fora que sofro horrores pra fazer dieta, já que sou muito nojenta pra comer e não como folha, verdura nem nada assim. Terrível, eu sei.
    Vou me espelhar em você e procurar um médico bom pra ir e começar a dieta de verdade. Além de catar uma outra academia, porque para a que eu ia não volto mais haha
    Não aguento mais todo mundo fazer comentário sobre o meu peso (outro dia tive que contar até 30 quando minha prima que me chamou de Peppa Pig).
    Eita que esse comentário foi um desabafo hein? Vai desculpando haha
    Ah, e você é linda Martinha <3 além de ser uma fofura de pessoa, daquelas que dá vontade de levar pra vida haha
    Beijos.

    Responder
    • sério, bianca! faz tempo isso, e graças a deus nunca mais rolou comentário por aqui dessa forma. foram-se as loucas, ficaram as madames lindas e que tem coisas positivas e para cima para falar. ufa! :)
      hmmm, se o santo não bateu com o povo da academia, vale mesmo mudar para outra. não adianta se violentar todo dia para frequentar um lugar que não te faz bem. n˜åo faz sentido. mudança já!
      sobre a alimentação, eu também não como tudo, mas um certo nível de esforço tem que existir. você pode não amar rúcula, que é mais amarga, por exemplo, mas será que alface americana, que tem um sabor mais leve, com um tempero bem feito (porque o segredo da salda é o tempero) já não fica mais viável? porque a gente também não pode se colocar no lugar de “ah, isso eu não gosto e não vou comer de jeito nenhum”, porque aí fica difícil mudar os hábitos alimentares, entende? não é para só comer o que não gosta, mas para tentar de verdade, experimentar coisas que você pode começar a gostar. entende???
      vê se pensando assim você consegue. porque mais do que ser magra, o importante mesmo é a gente estar saudável, claro; mas feliz com o nosso corpo. e se ele está começando a te incomodar, é bom começar a pensar em mudar.
      :)
      beijos, madame!

      Responder
  3. Larissa

    Martinha adoro o diário de madame e me identifico bastante com muita coisa sua! Tô nesse dilema de saúde também mas acredito que a forca de vontade nos ajudará, obrigado por dividir conosco um pouco do seu dia a dia e pelo incentivo! Sucesso sempre e não perca jamais sua autenticidade porque é ela que te faz especial, beijos

    Responder
    • oh, eu que agradeço! porque quando escrevo esses posts sincerões sempre tem uma chuva de comentários lindos. e se daí você tem a sensação de que não está só porque passamos pelas mesmas coisas, aqui eu também fico com essa sensação. e aí vai uma ajudando a outra, inspirando a outra…não é legal???
      beijos!!

      Responder
  4. Livia

    Martinha estava com saudade do AM!! Rs
    Poxa fiquei chateada com os comentários “indelicados” que vc recebeu de algumas leitoras, nossa quanta gente sem noção!! Mantenha seu foco e força, torcemos por vc e vc é uma inspiração pra mim, preciso deixar minha preguiça de lado e me jogar em alguma atividade física hahaha
    Beijo

    Responder
    • foi bem chato mesmo, lívia. mas já passou, e eu superei. de alguma forma toda aquela grosseria me ajudou a seguir adiante, ser forte, manter o foco. fiz uma limonada do limão, sabe?
      e sim, vamos jogar essa preguiça de lado!
      beijos!

      Responder
  5. Talita Chequer

    Não sei se já comentei isso, mas acho super bacana essa identificação, de que você é gente como a gente, sabe? Não como outras blogueiras que parecem que vivem em uma bolinha de cristal, onde tudo sempre dá certo.
    Super me identifiquei com o post de hoje. Eu sempre fui muito magra #secamesmo e me apoiei nisso pra comer muito e errado, acontece que a conta chegou. Quando fui a nutri, meu percentual de gordura estava altíssimo, apesar de estar com o peso ideal para minha altura. Precisei rever minha alimentação e levar a sério uma atividade física. Foi aí que me descobri no CrossFit e comecei minha evolução. Também cheiaaaa de tropeços, paradas e remorso, mas como se trata de uma reeducação, sei que não é fácil, bem rápido, afinal, foram anos e anos vivendo de uma forma, que precisa (e vai) ser mudada né?

    Então, vamos que vamos Martinha! Foco que agt chega no objetivo proposto e ainda de maneira que o resultado seja sustentável.
    Beijos

    Responder
    • a conta sempre vem, né? não tem jeito!
      mas que bom que, assim como aconteceu comigo, o crossfit te deu ânimo, foco, força de vontade! é demais quando a gente se encontra numa rotina de exercícios e acha prazer nela né??? eu virei a maior garota propaganda do crossfit! hahaha me fez muito bem!!
      e vamos nessa que entre um tropeço aqui e um acerto acolá, a gente vai indo em frente. aos pouquinhos, mas sempre!!
      beijos, tali!

      Responder
  6. Kadja

    Nossa Martinha! Que bom que você se esforça para trazer o resultado que te deixa feliz, mas não se importe com comentários maldosos!
    Queria muitoooo ter a disposição que você tem, não tenho força de vontade suficiente =/// To bem acima do peso, não tenho saco p academia, então comprei um xbox e alguns jogos como UFC, dança, etc… perdi 5kg, mas ainda não é o suficiente (tenho 1,67 e 80kg).. Minha alimentação é mt ruim!
    Continue postando sobre esse assunto, quem sabe consegue me motivar rsrs
    Beijo, boa semana!

    Responder
    • oi kadja!!
      que bom que você está começando de algum lugar! acho que a dica é não se acomodar, e ir sempre se antecipando à preguiça.
      acho massa que você tenha achado uma forma de começar de forma lúdica e prazerosa. por que agora você não tenta avançar mais um pouco? quem sabe, antes de começar mais exercícios, você pode começar a melhorar a alimentação? tentar colocar mais proteína no seu dia a dia, diminuir os industrializados e por aí vai. um avanço de cada vez, mas sempre sabe?
      beijos!

      Responder
  7. Bianca

    Martinha!!
    Também sofro da síndrome das 17h. Começo o dia bem e ao longo do dia me permito jacadas sucessivas, mas as 17h… aí sim fica difícil! Como o que tem pela frente!
    Você está linda e com certeza é uma inspiração gente! Gravar esse vlog da dieta vai ser ótimo, até pq, vendo outras pessoas comendo melhor, a gente se motiva tbm!
    Beijos!!
    Ps.: esses dias a Niina postou um vídeo de desabafo falando justamente dos comentários maldosos a respeito do peso dela. Por que as pessoas se importam tanto, hein!?

    Responder
    • vi seu comentário e saí correndo pra ver o video de niina. gente, ela é linda e ponto. por que as pessoas ficam ‘você deveria emagrecer”?? ai, peloamordedeus. odeio gente que acha que porque a gente tem um blog e se expõe ali, somos obrigadas a receber de cabeça baixa todo tipo de comentário sem noção.
      fico feliz que ela esteja se expondo ali, colocando o video no ar, falando a opinião dela. já pensou no tanto que meninas devem se inspirar nela??? top demais!!
      até porque duas coisas apenas de fato importam: nossa saúde e nossa auto estima. o resto, é resto!!
      sobre nós, as alucinadas das 17h, força!!! eu dividi minha refeição em 2 na tarde. faço o primeiro lanche as 15h30, depois de 2h30 eu como de novo. e só então eu janto e depois ceia, quando dá tempo.
      tem ajudado. mas aí tem que colocar mais proteína e menos carbo: tipo cottage com frango ou cottage com atum. e por aí vai.
      beijos!

      Responder
  8. Suyane

    Martinhaaa, eu estou com 34% de gordura e fui em Sandra Gordilho, fiz todos os exames. Comecei a dieta há uma semana e graças a Deus estou seguindo à risca. Só falta um exercício pra chamar de meu. Kuennn. Estou sofrendo com meu peso, com o que o espelho está refletibdo, mas estou firme e forte. Me controlando até com a bebida do fds. E oh Dra Sandra me disse que você é super focada, que é o cartão de visita dela, então vamos lá, força na peruca pra continuar magra e de bem com você mesma. Adorei esse tema! Louca pelo vlog já estou!! Beijoooos

    Responder
    • você começou onde eu estava! mas vá fazendo aos pouquinhos, pequenos esforços e escolhas inteligentes que você vai ver que é possível! dá para pedir grelhado com salada em qualquer lugar praticamente. ou uma salada saborosa. tapioca também é uma ótima opção de lanche na rua. e no mais, no dia que você exagerar um pouco mais, aperta mais um pouco no dia seguinte.
      e sim, vamos achar um exercício para chamar de seu!!
      pilates, yoga, crossfit, clube de corrida…já tentou esses?
      beijos!!!

      Responder
  9. Carol

    Martinhaa, da umas dicas e fala um pouco sobre o que voce come no dia a dia! Pra mim é extremamente dificil fazer “dieta”, pois não gosto de muitas frutas e verduras… salada, nem pensar! As vezes até tento comer bem, mesmo que exclua esses alimentos… mas uma massinha sempre me atrai kkkkk
    Academia nao me agrada… sou mais de dar aquela corridinha leve na barra, mas as vezes a preguiça fala mais alto e também eu fico com medo de nao ser suficiente.
    Parabéns pelos resultados e pela motivação, você com certeza é uma inspiração!
    Ps: em viagem é mais dificil mesmo kkkk quanto a isso até Pugli da umas escorregadas kkk
    Beijão

    Responder
  10. Aline Amaral

    Esse post me dá muito orgulho de você!!! Mesmo eu tendo pouca porcentagem de gordura e com o peso legal em termos de número, gostaria muito de ter os membros inferiores mais legais (coxa mais grossa, essas coisas), mas pra mim como é difícil para mim manter a disciplina! Sou preguiçosa demais e, mesmo sabendo que é importante pra saúde, que só vou chegar onde quero dessa forma não sinto ânimo para isso. Preciso encontrar um jeito… nem aquele sentimento de “dar um tapa na sociedade” eu estou tendo…
    Ver você com o objetivo traçado, a caminho do seu melhor, é lindo!!! Eu adorei, sua alimentação está regrada e imagino que isso seja muito difícil porque sabemos que você namora (ô época que a gente sai pra comer! hahaha) e você vai pra um monte de lugar que tem comida boa. Eu nessa já teria derrapado mil vezes. Amo comer e às vezes como desesperadamente. Ainda bem que minha estrutura não me deixa passar tanto dos limites porque sou magrinha. E mesmo tendo o corpo diferente do seu você é um bom espelho! Gente, ver essas suas fotos é demais!!!! Que mudanças legais e tudo para melhor!
    Foco, força e fé que você está no caminho certo. O crossfit está te fazendo muito bem, parabéns! E te falo que, se pensar em faltar, não faça isso. Caio nessa de vez em quando e depois perco o foco! kuen!
    Beijos.

    Responder
  11. Aiai, quando estamos com o corpo em forma qualquer roupa cai bem kkkk. Faz muita diferença para a autoestima, adorei. beijos.

    Responder
Deixe um comentário
* Não será divulgado
Para usar avatar, cadastre-se com seu email em Gravatar.com