post da Martinha Fonseca

Fit4Me & Armário de Madame

mais novidades do verão 2015 com fotos lindas em Morro de São Paulo

06 out 14

Eu não me canso de ver essas fotos, e estou super feliz que estou trazendo a segunda parte desse editorial da Fit4Me para vocês. Fique super realizada com o feedback de vocês no primeiro post (ainda não viu? Clica aqui!) não só porque vocês acharam as fotos feitas em Morro de São Paulo lindas, como se identificaram com a proposta de “projeto saúde” que o AM  e a Fit4Me têm em comum: não é preciso um corpo perfeito, esculpido em músculos e com % de gordura baixíssimo para ser feliz. Há quem seja feliz assim e que corra atrás do seus objetivos, claro;  mas há também quem queira ter o direito de ser feliz de outro jeito, comendo saudável, vendo as roupas ficarem folgadas e ser super feliz assim, do mesmo jeito que é feliz abrindo algumas exceções, e escapando da dieta de vez em quando. É ou não é? A Fit4Me pensa nesse tipo de mulher, que quer ir linda para academia, mas que quer uma roupa que dê uma ajudinha também, sabe? E por isso as peças me encantam tanto: porque são lindas, claro, mas porque são de malha de qualidade, com forro duplo no cós, sem transparência onde não deve ser transparente, com blusas maioriznhas que cobrem o quadril e o bumbum e por aí vai.

Abaixo, mais 6 looks que cliquei com Mari Calmon lá em Morro. Espero que amem cada pedacinho!! Eu, sinceramente, não sei se amo mais o top amarelo & rosa do terceiro look (é uma peça 2 em 1, o top amarelo e blusa rosa são juntos! super diferente!), as regatas super longas ou as calças lisas em cores incríveis que deixam as pernocas no lugar – se bem que amei também as calças estampadas e pela primeira vez me senti confortável com um macaquinho (o cropped por cima ajuda, né??) então esse parágrafo está ficando meio sem sentido porque amei tudo. hahahah Com vocês também é assim?

Vejam as fotos e me contem tudo!! As peças que mais gostaram, as fotos mais bonitas, o cenário, enfim…tudo, tudo, tudo!!

fit-1fit-2 fit-3 fit-4 fit-5 fit-5 fit-6 fit-7 fit-8 fit-9 fit-10 fit-11 fit-12 fit-13 fit-14 fit-16 fit-17 fit-18 fit-19 fit-20 fit-21 fit-22 fit-23 fit-24 fit-25 fit-26 fit-27 fit-28 fit-29 fit-30 fit-31 fit-32 fit-34 fit-35 fit-36

Editorial Verão 2015
Fit4Me Fitness & Armário de Madame
fotos: Marianna Calmon (@mariannacalmon)

 

fit-37

Hora de colocar o projeto #SaúdeDeMadame para funcionar, heinnnn?

Categoria: Moda, Viagem e Gastronomia
post da Martinha Fonseca

Diário de Madame: vale à pena?

olhar a vida sob um olhar diferente é um exercício!

06 out 14

Acho engraçado que para minha família eu sempre fui dramática ao extremo e para minhas amigas eu sou até bem equilibrada e bastante racional. Talvez a mais racional entre elas. Engraçado eu ser duas pessoas tão opostas ao mesmo tempo, né? Mas quem não é?

Tenho aprendido às vezes a duras penas, às vezes de forma mais fácil que o equilíbrio é o caminho. Tem situação que não dá mesmo para se controlar, e os gritos (sejam de felicidade ou de indignação) precisam sair. Energias guardadas demais fazem um mal danado, e não é à toa que o ser humano é um bicho social: faz sentido e faz bem compartilhar certos sentimentos, dizer o que e porquê as coisas te incomodam, dizer o que e o porquê outras tantas coisas te fazem feliz.

Eis que, por outro lado, há momentos também em que calar é necessário, refletir é imprescindível, e olhar outras perspectivas é questão de sabedoria. Ando tentando exercitar esse outro lado que eu sei que eu tenho, de ser mais racional. Tentar afastar as emoções que nos definem como pessoa não é mesmo uma tarefa fácil, mas tem horas que isso é bom. Necessário, até.

É bom colocar as coisas na balança, ver o que compensa e o que é de fato importante, sabe? O que não vale é fazer tudo isso e depois agir de forma oposta, dando importância a coisas que você julgou pequenas (justamente aquelas que você tirou da balança…). É bem frustrante, burro, quase idiota. Porque na hora da emoção, você esquece a #$%#5 da balança, o equilíbrio das coisas, fala o que quer e, bem, o que vem depois? Um vazio imenso, uma ansiedade triste, uma nuvemzinha de chuva em cima da sua cabeça. Não resolveu, não valeu à pena. kuen. Já passou por isso? Pois é, eu também.

Mas nunca é tarde para fazer diferente, néam? Não dá para mudar o passado e se torturar por erros antigos  não é bem o caminho mais inteligente. Até porque saber que você poderia ter agido diferente não quer dizer necessariamente que não fazia sentido ter agido como você agiu. Sentido até fazia, mas valeu à pena?

Não? Então se prepara aí, reflete, junta os caquinhos, releia o post da semana passada (sim, esse aqui sobre auto-controle) e segue em frente. A vida nunca cansa de nos dar novas oportunidades para fazer diferente. Aproveita! :)

—-

Essa semana que passou foi tão corrida (chegou sexta-feira e eu nem teria me dado conta não fossem pelo cansaço!) que eu nem consegui clicar muitas coisas. De todo modo, deu para trazer aqui os highlights da semana que começou com minha ida para São Paulo, para algumas reuniões e também para prestigiar os queridos Leonam e Giuliano da Dhuo,  marca que conheci através da Mesckla e que acabou de abrir sua primeira loja em Sampa City. Foi uma delícia ter participado da festa da inauguração, encontrei e reencontrei pessoas que adoro, dei boas risadas e me diverti!

diario-2

Na volta, o #saúdedemadame deu pt. Chamei o boy para comer esfirra de ricota (uma escapada tolerável da dieta e uma boa justificativa para eu ver o love durante a semana….) e ele me levou para o Eddie’s, hamburgueria aqui de Salvador. E ainda me veio com a cara de pau de “pede um sanduíche light de frango, meu amor”. Obviamente não consegui né? O boy me sabotou. Ele anda aí na fase “off” dele e eu que me dou mal! Preciso urgente aprender a manter a dieta, mesmo que os “fatores externos” não sejam favoráveis. Minha Nossa Senhora da Calça Jeans, rogai por mim!

diario-3

No dia seguinte, quinta-feira, foi dia de bate-papo delícia lá no Shopping Barra, com o stylist Yan Acioli. Adorei! Óbvio que já acompanhava o trabalho dele pelas redes sociais, mas confesso que me surpreendi com a clareza e simplicidade que ele fala do trabalho dele com homens e mulheres, e que fiquei com gostinho de quero mais depois que a palestra acabou.

diario-4

Por fim, porque Diário de Madame que é Diário de Madame tem os looks no espelho, cá estou eu com o apanhado de looks que não tiveram a honra de serem clicados pela câmera profissional, mas que nem por isso merecem menos prestígio. Certo? :)

diario-1

Look 1: conjunto de saia e blusa Dhuo; bolsa e sandália Schutz
Look 2: Vestido Alane’s, Jaqueta Renner, Colar LR BIjoux, Espadrilha Schutz, Bolsa Prada
Look 3: Blusa, short e bolsa Evidence, Espadrilha Schutz
Look 4: Blusa MOB, Saia Dress’D, Bolsa Prada, Sapato Luiza Barcelos
Look 5: Blusa Gregory, Saia Boah, Blusa quadriculada “do boy”, Espadrilha John John
Look 6 (casamento Mari e Nando, sexta-feira! foi top!): vestido Le Lis Blanc, Sandália e Bolsa Schutz
Look 7: Jaqueta Ellus, Tshirt Rock di Saia, Calça Evidence Mince, Bolsa Louis Vuitton, Sandália Schutz
Look 8: Blusa Dress To, Quimono Dress’d, Calça Evidence Mince, Bolsa Louis Vuitton, Slipper Schutz.

beijos, madames!

Categoria: Diário de Madame