post da Martinha Fonseca

Dica de Madame: Restaurante Preta

15 jan 14

Promessa é dívida por aqui, madames! Não disse que publicaria um post especial sobre o almoço no Restaurante Preta, em Ilha de Maré?? Então cá estou eu!!

O restaurante já é bem conhecido, tanto por baianos como por turistas. Mas como sempre tem alguém que ainda não foi ou quer saber  se vale à pena mesmo ou não, achei que o almoço por lá, na semana passada, valeria à pena ser transformado em assunto de post por aqui.

Na beira da praia, o restaurante tem decoração rústica e super aconchegante. Com paredes e portas coloridas, canoas servindo de bancos e muito verde ao redor, você relaxa só de entrar lá. Uma delícia!

Na sexta-feira, chegamos lá por volta das 14h e sentamos na mesa que já estava pronta esperando por nós – aliás, fica aqui uma dica importante: o Preta funciona apenas de quinta a domingo (e também em feriados, no almoço) e para ir lá é preciso fazer reserva. Certa vez fui e consegui, por sorte, uma mesa disponível, sem ter feito reserva antes. Mas ó, isso é ultra mega super raro. É melhor garantir e reservar antes.

De entrada pedimos o “Bionica”, que são rolinhos crocantes de siri e flor de bananeira, com geléia de tamarindo como acompanhamento – R$35,00; e “Moreno”,  salada de siri, rúcula, manga e pimenta amarelo com beiju chocante amanteigado – R$58,00.

Super recomendo esses dois pratos, são de-li-ci-o-sos! Olho as fotos e a vontade de voltar pra lá é imediata! yummy!

De prato principal, pedimos 2 porções de Ensopado de Camarão (que é diferente da Moqueca apenas porque é feito sem dendê) e serviu super bem todas nós – éramos 6 mulheres. O prato além de lindo por conta do colorido dos pimentões, do côco e de outros temperos, era super saboroso. Incrível de bom!! De verdade! Quem é madame-leitora e já foi no Preta pode escrever nos comentários e confirmar que tudo que estou dizendo é verdade! Prato aprovado e super recomendado!

Nosso almoço por lá durou umas 2h no total, e só não pedimos sobremesas (e consequentemente elas não apareceram por aqui) porque somos meninas comportadas e queremos continuar entrando na calça jeans. hihihi

Mas acho que deu para sentir como o ambiente é charmosinho e como a comida é deliciosa, né? Se alguém ainda tinha dúvidas que a ida até valeria à pena, acredito que não tenha mais dúvidas, néam??

Aliás, para quem quer saber como chegar e outros detalhes sobre o Preta, aqui vão as dicas:

Para chegar, você pode fazer a travessia saindo da Praia de Inema a desembar na ponte do Botelho, em Ilha de Maré; ou ir com a própria lancha ou barco e desembarcar por lá.

– Chegando na Ilha de Maré, é só perguntar pelo Preta. Todo mundo conhece e é super fácil de chegar.

– O restaurante atende até 40 pessoas, mas é preciso fazer reservas através dos telefones: 71 9326-7461/8736-8199/9936-8563
*provavelmente, você vai falar com Angeluci, proprietária do lugar.

– O pagamento é feito apenas em dinheiro e cheque (e isso eu não achei muito legal, mas que jeito né? Melhor sacar o dinheiro antes e garantir o almoço de qualidade!)

Categoria: Sem categoria