post da Martinha Fonseca

Como fazer a mala para viajar?

09 abr 13

Pronto, voltei, dessa vez direto novamente. Prontas para saber das novidades?? Depois de alguns dias de férias na California, com companhias maravilhosas e programações incríveis, cá estou eu, de volta no blog – e espero que vocês também voltem a acessar o blog diariamente, hein??? Chega de Armário de Madame em ritmo lento, vamos voltar aos posts diários, às novidades, dicas e resenhas de produtos (estou cheia de novidades de coisinhas para cabelo, pele e maquiagem!!).

Realmente tenho muitas coisas para contar, mas se me permitem, vamos começar pelo começo?

Sempre que viajo, recebo muitas perguntas sobre como arrumo minha mala, como faço para pensar em bons looks e todas essas dúvidas super normais. Vamos lá! Por muito tempo amava ser “mulherzinha” e viajar com mala cheia (e voltar com ela mais cheia ainda! hehehe), mas via que isso era pouco prático e muito esforço para pouco benefício. Sempre levava mais do que precisava e rolava a frustração de olhar a mala e pensar por diversas vezes “poxa, nem deu tempo de usar tudo…”. De um tempo para cá, no entanto, ando usando mais a frase “nossa, deu para usar tudo sem aperto!” e como essa sensação é incrível!

Na viagem para Califórnia, por exemplo, mesmo na correria pré-viagem, consegui organizar minha mala de forma inteligente.

Como?

Separei tudo que queria levar em cima da cama e fui montando looks com as peças. Quando via que queria muuuuito aquela peça na mala, buscava fazer diferentes combinações com ela (tipo a leggging de oncinha da montagem abaixo) e, se conseguisse, voilá!; a peça ia pra viagem. Feito isso, com as blusas que usei na combinação com a legging, montei outras combinações, dessa vez com a calça jeans. E por aí vai… deu para entender?

Estão reconhecendo o look do canto direito inferior? Foi o primeiro look que compartilhei aqui no blog, ainda em Los Angeles. ;)

No final das contas, foram 3 calças, 2 saias, 13 blusas/cardigans, 1 jaqueta, 2 blazers, 1 trench coat. 2 botinhas, 1 salto. Com isso conseguir fazer 16 looks (no post só tenho 12 fotos, porque acidentalmente apaguei 4 fotos…gr!!!) com possibilidade de mais opções. E olha, como o destino foram os Estados Unidos e por lá sempre rolam boas compras, poderia ter sido ainda mais econômica. Será que consigo da próxima vez???

De todo modo, fica a dica para vocês – e o incentivo para fazer o mesmo, claro… Montei os looks e arrumei a mala em 2h30. É menos complicado do que parece, e mais prático do que se pode imaginar. Não só pelo volume compacto e pela razoabilidade de se levar apenas o necessário, mas pela praticidade que é acordar de manhã, olhar as fotos no celular, e poder tirar da mala apenas o que já sabe que vai usar. Prático, rápido e você ainda ganha uns minutinhos de sono. hihihihi

 

 

Categoria: Sem categoria